Qual o Melhor Açúcar Para Nosso Consumo?

A cana-de-açúcar é fonte de vários tipos de açúcares. Veja abaixo alguns tipos de açúcares consumidos no Brasil e as suas diferenças.

 Refinadoaçúcar-refinado

O açúcar refinado, ou o açúcar cristal, é o açúcar branco comum.  Ele sofre um processo de refinamento, em que recebe uma série de produtos químicos que provocam alteração na sua cor e sabor, além da perda de vitaminas e minerais.

Mascavopropriedades-do-acucar-mascavo-para-emagrecer

O açúcar mascavo é aquele em sua forma bruta, extraído depois do cozimento do caldo de cana. Como não passa pela etapa de refinamento, ele conserva um pouco de seus nutrientes, como os minerais cálcio, ferro, potássio, e algumas vitaminas do complexo B. No entanto, fornece a mesma quantidade de calorias que o açúcar refinado.

Meladocana11

O melado ou melaço de cana é a forma líquida extraída direto da cana-de açúcar. Conserva todos nutrientes, e é rico em manganês (compõe as defesas antioxidantes), magnésio (controle da TPM) e ferro (transporte de oxigênio e prevenção da anemia).

Mel de abelhamel

O mel possui a composição de açúcares semelhante à do melado. A diferença está na quantidade de vitaminas e minerais. Enquanto no mel a quantidade é pequena, o melado possui um teor bem maior de vitaminas e minerais.

Ainda, há a presença no mel de polifenóis, que são um grupo de substâncias responsáveis pela aparência e propriedades antioxidantes. Em geral, quanto mais escuro o mel, maior a quantidade de polifenóis.

Xarope de agaveorigem-e-beneficios-do-xarope-de-agave-739x311

O xarope da agave é extraído do cacto mexicano, o mesmo utilizado na fabricação da tequila, por exemplo. No entanto, o xarope de agave é composto, em sua maioria, de frutose.

Há algumas evidências que sugerem que o excesso de frutose impacta negativamente no metabolismo ao provocar a elevação dos triglicerídeos, contribuir para o acúmulo de gordura no fígado e ainda o ganho de peso.

Açúcar de cocoacucar-de-coco-beneficios

Aparentemente, um mocinho. No entanto, não se engane!

Apesar de possuir um maior conteúdo de nutrientes quando comparado ao açúcar refinado, sua composição de açúcares é 70-80% de sacarose, ou seja, muito semelhante ao açúcar de mesa.

Então, qual o melhor a ser consumido?

Se o  seu objetivo é emagrecer eu recomendo que você utilize nenhum.

Prefira os adoçantes naturais, como a Stevia, para adoçar sua bebida predileta.

Mas por quê cortar o açúcar?

O consumo excessivo de açúcar provoca o quadro de resistência insulínica. Dessa forma, o organismo não consegue queimar a gordura no tecido adiposo se os níveis de insulina não estiverem controlados.

Ainda, o consumo de açúcar inicia no organismo uma cascata de reações pró-inflamatórias e produção excessiva de radicais livres, o que dificulta ainda mais o processo de emagrecimento.

Além disso, açúcar é o alimento preferencial da microbiota patogênica que habita o seu intestino e que provoca constipação intestinal e gases excessivos.

É importante que você entenda o seguinte: mesmo que alguns açúcares contenham uma maior quantidade de nutrientes, você ingere milhares de vezes mais de outras fontes alimentares (estou me referindo a comida mesmo).

A quantidade de açúcar mascavo necessária para ingerir uma quantidade adequada de ferro, por exemplo, seria ridiculamente elevada!

Consumir açúcar demais, em todas as suas formas, terá impacto negativo à saúde. Eu, particularmente, não adoço nenhuma bebida. Até mesmo café eu bebo sem açúcar. Na minha opinião, deixe para ingerir açúcar somente quando for comer um pedaço de torta em algum aniversário ou uma sobremesa ao sair para jantar, por exemplo. Mas cuidado, tudo com moderação!

Acompanhe as redes do nutricionista Guilherme Barros:

Instagram@nutricionistagbarros

Sitenutricionistaguilherme.com.br

FaceNutricionista Guilherme Barros

Email – contato@nutricionistaguilherme.com.br

Whats – (61) 9658-1658

TOP